4.3
(10)

NEGOCIAÇÃO INTERNACIONAL

Acelere seus negócios com estas dicas de especialistas em "Negociação Internacional". Analise e descubra esta DICA!

Este é um aspecto que às vezes é subestimado pelas empresas, mas elas precisam estar preparadas e obter as informações corretas para a negociação internacional. Uma dimensão importante da negociação é a dimensão cultural. Apesar da globalização, a Internet, aAs barreiras ultrais ainda existem e podem ser um grande obstáculo à atividade comercial internacional.

As empresas precisam se preparar para a negociação internacional, incluindo sua dimensão intercultural. Negociar é a atividade mais demorada para os executivos que trabalham em um ambiente internacional, sem dúvida, o mais decisivo na avaliação dos resultados obtidos.

Acrescente a isso as grandes diferenças na cultura empresarial entre países, e você tem a justificativa de ser tão importante possuir e aprimorar as habilidades de negociação ao lidar com clientes, fornecedores, distribuidores, parceiros ou subsidiárias no exterior.

Os aspectos a serem levados em conta são

  • Comunicação verbal.
  • O contexto.
  • Comunicação não-verbal.

Certos princípios de negociação internacional devem ser aplicados em qualquer lugar do mundo em que sejam negociados:

  • Adotar uma abordagem vantajosa para todos.
  • Compreender e aplicar o conceito de margem de manobra de acordo com cada país.
  • Compreender as diferenças entre as negociações nacionais e internacionais.
  • Leve em conta os elementos culturais do país no qual você está negociando.
  • Saber planejar a negociação, distinguindo entre cada uma das etapas.
  • Conhecer as técnicas utilizadas para fazer avançar uma negociação e fechar o negócio.

Qualquer que seja o tipo de negócio a ser conduzido em um mercado estrangeiro e o estilo de negociação da outra parte, é aconselhável manter diretrizes de comportamento que sejam homólogas a todos os países e culturas.

Além das qualidades inatas e da experiência profissional de cada executivo, essas dicas ajudarão a negociar com eficácia em um contexto internacional:

  • Flexibilidade e resistência aos horários.
  • Preparando-se para a viagem.
  • Ter uma estratégia de negociação.
  • Aceitar a idéia de ser um estrangeiro.
  • Para conhecer os costumes e costumes sociais dos países visitados.
  • Adaptar-se ao ritmo de negociação do país em que está negociando.
  • Usar habilidades de negociação que são comuns a todos os países.
  • Ter uma atitude empreendedora.
  • Criar e manter relações pessoais.
  • Faça um resumo de todas as informações obtidas.

Um dos problemas mais generalizados nas negociações internacionais é a falta generalizada de adaptação do negociador internacional em um duplo sentido: não se adapta às propostas e ao estilo de negociação da cultura à qual seu interlocutor pertence e não dá argumentos colocando a si mesmo "no lugar" dos outros.

Negociação internacional é uma atividade fundamental para as empresas que operam em um ambiente globalizado. Esta atividade requer uma preparação completa, incluindo a dimensão intercultural. Apesar da globalização e da existência da Internet, as barreiras culturais ainda existem e podem ser um grande obstáculo para a atividade comercial internacional. Para negociar internacionalmente, é importante levar em conta aspectos como a comunicação verbal, o contexto e a comunicação não verbal.

Além disso, é essencial aplicar certos princípios de negociação internacional, como adotar uma abordagem ganha-ganha, conhecer e aplicar o conceito de espaço de manobra de acordo com cada país, entender as diferenças entre negociação nacional e internacional, levar em conta os elementos culturais do país em que a negociação ocorre, saber como planejar a negociação, distinguir entre cada um dos estágios e conhecer as técnicas usadas para avançar uma negociação e fechar o acordo.

É importante manter certos padrões de comportamento que podem ser aplicados a todos os países e culturas, como ser flexível e resistente a horários, preparar-se para a viagem, ter uma estratégia de negociação, aceitar a ideia de ser estrangeiro, conhecer os costumes e os hábitos sociais dos países que está visitando, adaptar-se ao ritmo de negociação do país em que está negociando, usar habilidades de negociação comuns a todos os países, ter uma atitude empreendedora, criar e manter relacionamentos pessoais e resumir todas as informações obtidas.

Um dos problemas mais comuns na negociação internacional é a falta generalizada de adaptação do negociador internacional em um duplo sentido: ele não se adapta às propostas e ao estilo de negociação da cultura à qual seu interlocutor pertence e não apresenta argumentos colocando-se "no lugar" dos outros.

Portanto, é essencial que as empresas se preparem adequadamente e obtenham as informações necessárias para a negociação internacional, incluindo sua dimensão intercultural.

EXEMPLOS DE EMPREENDEDORES QUE OBTIVERAM SUCESSO EM NEGOCIAÇÕES INTERNACIONAIS:

  1. Juan é um empresário que criou uma empresa de produtos de beleza natural no México. Para expandir seus negócios para os Estados Unidos, ele decidiu participar de uma feira de produtos de beleza em Los Angeles. Durante a feira, ele estabeleceu contatos com distribuidores locais e usou suas habilidades de negociação para fechar acordos de distribuição. Além disso, realizou uma pesquisa sobre a cultura comercial dos EUA e adaptou sua estratégia de negociação de acordo com ela.
  2. Maria é uma empresária espanhola que queria expandir sua empresa de roupas para o Japão. Antes de viajar para o Japão, ela estudou a cultura comercial japonesa e certificou-se de que sua estratégia de negociação fosse adaptada aos costumes e às normas japonesas. Ao chegar ao Japão, reuniu-se com possíveis parceiros e clientes potenciais e usou suas habilidades de comunicação e negociação para persuadi-los de que sua marca era adequada. Além disso, ele estabeleceu relacionamentos pessoais com os contatos japoneses e manteve comunicação constante com eles após a reunião.
  3. Pedro é um empresário argentino que montou uma empresa de produtos alimentícios. Ele queria expandir seus negócios para a Europa, mas não tinha os contatos necessários para isso. Ele decidiu participar de uma feira de alimentos na Alemanha e usou sua capacidade de se conectar com as pessoas e construir relacionamentos sólidos com clientes e distribuidores em potencial. Ele usou sua capacidade de adaptação à cultura comercial alemã e conseguiu fechar acordos de distribuição com empresas locais.

Em geral, Os empreendedores que obtiveram sucesso nos negócios internacionais dedicaram tempo e recursos para entender a cultura empresarial dos países nos quais desejam expandir seus negócios.

Além disso, Utilizaram habilidades de comunicação e negociação para estabelecer relacionamentos sólidos com parceiros e clientes em potencial.

O inteligência artificial (ver+ DICA) pode ajudar a melhorar a negociação internacional de várias maneiras:

  1. Fornecimento de informações relevantes: pode ser usado para obter informações relevantes sobre os aspectos culturais, as práticas comerciais e as estratégias de negociação usadas no país ou na região onde a negociação ocorrerá. Isso permitirá que o empreendedor se prepare adequadamente para a negociação e aumente as chances de sucesso.
  2. Ajudar a desenvolver habilidades de comunicação: pode ser usado para aprimorar as habilidades de comunicação dos empreendedores. Por exemplo, ele pode ser usado para praticar o idioma e a pronúncia de termos-chave no idioma do país em que a negociação será realizada.
  3. Fornecimento de simulações de negociação: pode ser usado para simular situações de negociação internacional e ajudar os empreendedores a praticar suas habilidades de negociação em um ambiente seguro e controlado. Isso pode ajudar os empresários a ganhar confiança e melhorar sua capacidade de lidar com situações complexas.
  4. Oferecer consultoria personalizada: pode ser usado para oferecer orientação personalizada sobre como abordar uma negociação internacional específica. Os empresários podem fornecer informações sobre o país ou a região onde a negociação será realizada e receber recomendações personalizadas sobre como se preparar e quais estratégias de negociação usar.

Em resumo, a inteligência artificial pode ser uma ferramenta valiosa para empreendedores que buscam melhorar sua capacidade de negociar internacionalmente.

Desde a coleta de informações relevantes até a prática de habilidades de negociação e o fornecimento de consultoria personalizada, a inteligência artificial pode ajudar os empreendedores a se prepararem adequadamente e aumentar as chances de sucesso em negociações internacionais.

APLIQUE ESTA DICA AO SEU PROJETO

TASK

ESTUDO DE CASO DE NEGOCIAÇÃO INTERNACIONAL

A empresa "ABC" é uma pequena empresa espanhola dedicada à fabricação e distribuição de produtos têxteis para bebês. A empresa está buscando expandir-se para outros mercados e identificou o México como um mercado potencialmente interessante.

Depois de realizar uma pesquisa de mercado e uma análise da concorrência, a ABC identificou uma empresa mexicana chamada "XYZ" como uma possível parceira estratégica para distribuir seus produtos no México. Depois de entrar em contato com a empresa e marcar uma reunião presencial, a ABC enviou um de seus executivos ao México para negociar um acordo de distribuição.

A negociação foi conduzida em uma atmosfera cordial, mas o executivo da ABC percebeu rapidamente que a abordagem de negociação da XYZ era muito diferente da de sua empresa. "A XYZ parecia interessada em obter uma margem de lucro maior para si mesma e não estava disposta a fazer grandes pedidos para ajudar a ABC a se expandir no mercado mexicano.

O executivo da "ABC" decidiu usar a inteligência artificial para se preparar melhor para a próxima reunião e aprimorar sua abordagem de negociação. A inteligência artificial lhe deu conselhos sobre como adaptar seu estilo de negociação à cultura mexicana e como apresentar sua oferta de forma mais persuasiva. Também lhe forneceu informações sobre os requisitos legais e fiscais que ele precisava cumprir para operar no México e como gerenciar os riscos associados à exportação de produtos.

Com essas informações, o executivo da "ABC" voltou para a reunião preparado e conseguiu persuadir a "XYZ" a aceitar um acordo de distribuição no qual ambas as empresas obtiveram uma margem de lucro justa. Eles também estabeleceram um relacionamento comercial de longo prazo no qual ambas as empresas puderam crescer e se expandir juntas no mercado mexicano.

QUIZ

PENSE EM VOCÊ

PENSAR EM AJUDAR OS OUTROS

Avalie esta DICA!

Clique nas estrelas para avaliar

Classificação "10" - Média " - Média4.3"

Sem votos ainda, seja o primeiro a votar!

Lamentamos que você não tenha achado útil.

Ajude-nos a melhorar esta DICA!

Deixe-nos um comentário e diga-nos como você poderia melhorar esta DICA